A Forma da Água Torrent (2018) Legendado

A Forma da Água - IMDb
Título no Brasil: A Forma da Água
Título Original: The Shape of Water
Gênero: Aventura / Drama / Fantasia
Duração: 123 min
Diretor: Guillermo del Toro
Lançamento: 2018
Qualidade de Áudio: 10
Qualidade de Vídeo: 10
Idioma: Inglês
Legenda: Português-BR
Tamanho: 1.50 GB / 2.37 GB
Formato: BluRay / MKV
Resolução: 1280×720 / 1920×1080
Hospedagem: Torrent
A Forma da Água

A Forma da Água – Sinopse, Elenco, Download, Screen, Trailer.

Baixar Filme A Forma da Água Torrent Legendado: Década de 60. Em meio aos grandes conflitos políticos e transformações sociais dos Estados Unidos da Guerra Fria, a muda Elisa (Sally Hawkins), zeladora em um laboratório experimental secreto do governo, se afeiçoa a uma criatura fantástica mantida presa e maltratada no local. Para executar um arriscado e apaixonado resgate ela recorre ao melhor amigo Giles (Richard Jenkins) e à colega de turno Zelda (Octavia Spencer).

Elenco:
Sally Hawkins … Elisa Esposito
Michael Shannon … Richard Strickland
Richard Jenkins … Giles
Octavia Spencer … Zelda Fuller
Michael Stuhlbarg … Dr. Robert Hoffstetler
Doug Jones … Amphibian Man
David Hewlett … Fleming
Nick Searcy … General Hoyt
Stewart Arnott … Bernard
Nigel Bennett … Mihalkov
Lauren Lee Smith … Elaine Strickland
Martin Roach … Brewster Fuller
Allegra Fulton … Yolanda
John Kapelos … Mr. Arzoumanian
Morgan Kelly … Pie Guy

CURIOSIDADES:

Vencedor dos prêmios de Melhor Diretor e Melhor Trilha Sonora no Globo de Ouro 2018. A trama també levou para casa o Leão de Ouro no Festival de Veneza 2017.

Indicado às categorias de Melhor Filme, Diretor, Atriz (Sally Hawkins), Atriz Coadjuvante (Octavia Spencer), Ator Coadjuvante (Richard Jenkins), Roteiro Original, Edição, Trilha Sonora, Design de Produção, Fotografia, Figurino, Edição de Som e Mixagem de Som.

Comentários:

Fui para o cinema cheio de expectativas e acabei me decepcionando. O filme é mto correto e provavelmente vai levar o Oscar em várias categorias, mas tive a sensação de que faltou alguma coisa. A história não conseguiu prender e não transmitiu emoção suficiente. Ficou aquela vontade de que acabasse logo, sabe? A história de amor não convenceu. Faltou uma emenda melhor, foi tudo meio rápido demais, forçado e estranho. A história é interessante e poderia ser melhor explorada. Deixa mta coisa em aberto. Enfim, por incrível que pareça, achei o filme chatinho e solto demais.

Filme com referências demais, parecendo novela de Manoel Carlos, por isso fica muito clichê esse excesso de “arte”. Quer falar de solidão, de xenofobia, de preconceito, de racismo, de intolerância, de diferenças, de homofobia, de machismo, de amor impossível, além da homenagem ao cinema e acaba não explorando totalmente nenhum desses assuntos. Fica parecendo aqueles jogos de achar coisas numa imagem repleta de objetos, tipo “Onde Está Wally”: Olha essa camada! Tudo isso com cenário em tons de azul petróleo, sexo e cenas de violência para poder dar o toque do diretor e diferenciar seu filme de romance. Fora o fato de querer vincular o heterossexual branco a um ser do mal, racista, xenofóbico e machista. Apenas um bom filme com exagero de referências para os “iniciados” poderem gozar de esplendor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.